Hoje cheguei em casa depois de receber uma péssima notícia. Vim por calçadas diferentes no caminho de volta pra casa, assim ninguém que me vê passando por ali todos os dias notaria a minha cara de choro e ouviria meus soluços. A única coisa que eu queria era chegar em casa, não ter que pensar em nada e só chorar, chorar e chorar.

Sequei as lágrimas para entrar no prédio e cumprimentar o porteiro, quando ele me chamou para entregar um pacote do correio. Pensei: Ué, não comprei nada pela internet recentemente… O que será?

No remetente, o nome de um amigo inglês que conheci esse ano enquanto trabalhava no hostel, que agora estava morando e trabalhando em um hostel em Cusco, no Peru. Ele havia mesmo me mandado um email pedindo meu endereço, mas eu nem lembrava. Entrei no meu quarto, ainda chorando sem parar, e cada vez que olhava para o pacote chorava cada vez mais. Estava tão triste que até se olhasse prum filhote de cachorrinho me pedindo carinho, eu não ia conseguir parar de chorar.

Sentei na cama, li o jeito que ele escreveu meu endereço no envelope e o abri. Dentro, uma máscara peruana para a minha coleção com quatro pacotes do meu chocolate favorito dentro. Tentei, sem sucesso, lembrar em que momento eu contei para ele que Reese’s Cup era meu chocolate preferido entre todos do mundo. A gente deve ter ficado juntos por uns 4 dias, no máximo, e ele acertou tanto assim no presente? Tem gente que entra na nossa vida para ter o simples papel de ser brilhante mesmo…

O começo da carta dizia:

“Dear dearest Renata,

This is actually the first letter I have ever written. Aren’t you Special!”

Só consegui continuar lendo depois de chorar litros de novo. Como pode uma pessoa que eu mal conheço se mostrar tão querida exatamente no momento que eu mais preciso? Os correios poderiam ter entrado em greve, o envelope poderia ter se perdido entre as milhões de encomendas que são enviadas no mundo, ou o porteiro poderia ter me entregado na hora do almoço, quando eu ainda estava bem. Mas não, alguém quis que essa carta chegasse em minhas mãos exatamente no momento em que eu mais precisava de uma esperança.

Obrigada, Universo. Ou seja lá quem fez isso acontecer hoje.

 
10
Compartilhe esse post:

10 comentários em “A esperança veio de Cusco, no Peru”

  1. Realmente Re, tem coisas que tem que acontecer sem sabermos o por que!!!!! <3


  2. É lindo ver que pessoas ainda escrevem cartas!

    Eu resolvi fazer isso dias atrás…estou morando na Irlanda e me apaixonei por um irish logo que cheguei. Aconteceu que consegui um emprego e me mudei de Dublin. Fazia uns 3 meses quase que eu nao o via e resolvi mandar uma carta. Mandei. Ele nao disse nada e nao respondeu.

    Um mes depois, depois de um bad day, chego em casa e tem uma carta dele no correio. Não dizia nada demais, mas foi fofa e me fez bem.

    Valeu, universo!

    Mas pq vc estava acabada antes da carta?


  3. ” Como pode uma pessoa que eu mal conheço se mostrar tão querida exatamente no momento que eu mais preciso? ” Sabe a teoria da sincronicidade? Então… :D Cada dia mais acredito nisso, que tudo e todos estão ~conectados~ e o seu post só me ter mais certeza disso. Gosto muito do seu blog e suas histórias mesmo sem nem te conhecer. Beijo.


  4. Olá Re, tudo bom? Assim como a Lorena escreveu também adoro seu blog e suas histórias mesmo sem te conhecer pessoalmente. Que bom que este pacote chegou até você em um momento de dificuldade. Costumo dizer e pensar que nada é por acaso nesta!

    Re, quero te ver muito feliz…com muitas histórias lindas para compartilhar no blog… A torcida é grande para os próximos capítulos :-)

    Beijocas.


  5. Olá Re, tudo bom?

    Assim como a Lorena escreveu também adoro seu blog e suas histórias mesmo sem te conhecer pessoalmente. Que bom que este pacote chegou até você em um momento de dificuldade. Costumo dizer e pensar que nada é por acaso nesta vida.

    Re, quero te ver muito feliz…com muitas histórias lindas para compartilhar no blog… A torcida é grande para os próximos capítulos Beijocas.


  6. Agradece mais ainda por ter uma pessoa tão sensacional assim na sua vida, além do mais, isso é cada vez mais raro. Fico feliz que você tenha no final do dia conseguido chorar de felicidade e dormir bem. :)


  7. nessas horas me sinto com inveja( inveja boa), nunca escrevi ou recebi uma carta de papel.
    acho super dez essa coisa de carinho que as pessoas tem umas pelas outras.

    mas você me deixou curioso, pq estava mal antes de receber a carta?


  8. Rê,
    O que aconteceu pra te fazer ficar triste assim?
    Bjos,
    Laura


  9. Uma fofura de carta e presentes, mas tudo tem um sentido ne? :)


  10. Oi Rê, tudo bem?
    Que história mais linda, fiquei emocionada, seja lá o que vc estiver passando, força e fé em Deus ele nunca nos desampara e sempre nos mostra uma saída ;)
    Prova disso foi essa carta e esse lindo carinho que você recebeu :)

    Conheci seu blog hoje ^^ a Ana do Não Provoque fez um post com a relação dos blogs favoritos dela :)

    Parabéns pelo blog ^^ ele é lindo e já esta na minha lista de favoritos

    beijos
    Camila



Deixe seu comentário